terça-feira, 5 de junho de 2007

à deriva?


quando o camarada Jerónimo acusa o Bloco de deriva social-democrata, das duas, três:
a) ou acha que devia haver ‘casamento’ entre os dois ‘partidos’ e sente ‘ciúmes’,
b) ou assume que o BE ‘mexe’ com o PC e dá-lhe mais importância do que alguma vez deveria querer assumir,
c) ou então legitima as gravatas cor-de-laranja e as férias em estâncias de ski a ex-militantes do PSR


5 comentários:

zé disse...

Bruno/Susana, tive dúvidas na ‘etiqueta’, aceitam?

susana disse...

gravata cor de laranja!?

BMC disse...

Não acho que andem à deriva, mas que é cada vez mais difícil não se passarem por tolinhos pré-históricos, isso é!

A data da greve podia ter sido muito melhor escolhida, talvez nas vésperas da aprovação duma qualquer lei cretina. (Ex: "lei de bases da segurança social" ou "código de trabalho") Assim os motivos para fazer greve seriam mais concretos e menos gerais, logo mais mobilizadores, e a greve mais facilmente legitimada.

Pelo que agora vejo, parece-me haver dois BEs, um antes e um pós a greve. Espero que seja só impressão minha. Caso contrário, por esta e por outras razões, podem comprometer o meu voto neles.


Notando agora que a minha resposta não responde à tua pergunta...
Achando que não tenho que aceitar ou deixar de aceitar a etiqueta... mas espero que na etiqueta esteja um Socialismo Vermelho, e não descolorado a fugir para o rosa.

susana disse...

http://anaturezadomal.blogspot.com/2007/06/o-revisionista-daniel.html


a propósito da deriva.

Anónimo disse...

se fosse num Pais democratico o SA FERNANDES tava PRESO! Ou a pagar o tunel do Marques.